Alta temporada: até o final de janeiro, 20 milhões de passageiros devem voar pelo Brasil

Siga o ONTIME no Instagram: @ontime.av

Via Wikimedia Commns

De olho nas festas de fim de ano, férias escolares e na alta estação de verão, companhias aéreas nacionais já disponibilizam mais voos para atender à demanda de turistas. A expectativa é de que cerca de 20 milhões de passageiros usem o avião para curtir a estação mais quente do ano. A oferta de assentos que estarão disponíveis já alcança o período de pré-pandemia.

A Gol, por exemplo, terá uma média de 760 voos diários e 60 novas rotas entre os meses de dezembro e janeiro, atingindo a maior capacidade desde janeiro de 2020, início da pandemia de Covid-19. A empresa vai contemplar 250 trajetos, com a oferta de mais de 8 milhões de assentos para todo o país e, também, o exterior. Quanto ao Nordeste, a malha da Gol na região crescerá 34% em relação a outubro deste ano.

Já a Azul vai dedicar 2 mil voos ao turismo no país, que se somarão às cerca de 960 viagens operadas diariamente. Do total, 95% dos assentos serão ofertados ao mercado doméstico, com grande participação de destinos nordestinos. A Latam, por sua vez, cuja oferta de vagas já atinge 100% do pré-pandemia, terá disponível 7 milhões de assentos para os passageiros no mês de janeiro.

“Teremos uma das melhores temporadas de verão e esses dados só confirmam a nossa boa expectativa de movimentação turística nesse período. Temos inúmeras novas rotas que ligarão novos destinos aos já tradicionais e que impulsionarão os brasileiros a viajarem e conhecerem cada vez mais atrativos do país”, disse o ministro do Turismo, Carlos Brito.

Segundo a Associação Brasileira das Empresas Aéreas, o número de novos voos no país deve crescer 12,6% durante a temporada, totalizando 163,3 mil viagens adicionais em relação ao mesmo período do ano passado.

AEROPORTOS – Em Belo Horizonte (MG), são esperados 2 milhões de passageiros, 9,8% maior do que o registrado no ano de 2021. No de Florianópolis (SC), a alta será de 6% em comparação com o pré-pandemia (dezembro/19 a janeiro/20). Já em Recife (PE), estão sendo ofertados 2,7 milhões de assentos entre os meses de novembro/22 e março/23, aumento de 25% em relação ao ano anterior ao início da pandemia no país.

RODOVIÁRIO – A temporada de verão também vem animando o setor rodoviário. Dados da Associação Brasileira das Empresas de Transportes Terrestres de Passageiros (Abrati) estima um crescimento de 20% em relação ao período pré-pandemia, quando foram transportados 39 milhões de pessoas nas rodovias nacionais. 

Informações via Ministério do Turismo

Fábio Passalacqua

Fábio Passalacqua

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *