Flybondi recebe seu décimo Boeing 737; confira o longo trajeto realizado pela aeronave no voo de entrega

siga o ONTIME no Instagram: @ontime.av

Foto: Flybondi

A segunda maior companhia aérea da Argentina, Flybondi, recebeu na última semana o seu décimo Boeing 737-800, caminhando assim para a meta de 12 aeronaves previstas até o final de 2022.

A viagem do Boeing até Buenos Aires foi longa. Para o traslado da aeronave, a Flybondi deslocou uma equipe até Sacheon, na Coréia do Sul. De lá, o jato voou até Sapporo, no Japão, onde fez uma rápida escala antes de seguir para Anchorage, no estado norte-americano do Alasca. Do frio do Alasca, o avião seguiu até a cidade texana de San Antonio e depois voou até Guayaquil, no Equador, sua última parada antes da Argentina.

Finalmente, no dia 23 de novembro de 2022, o novo integrante da low-cost argentina tocou o solo do Aeroporto de Ezeiza, em Buenos Aires, por volta das 11 horas da manhã (local). Ao todo foram percorridos 19.422 km em uma longa jornada de mais de 30 horas de voo.


+LEIA MAIS:


De matrícula LV-KGN e com capacidade para 180 passageiros em classe única, o Boeing possui 12.3 anos de idade e começou sua carreira na japonesa Skymark Airlines.

Em novembro, a Flybondi também recebeu o LV-KEG e até o ano espera fechar sua frota com doze Boeing 737-800s.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *