Emirates comemora 25 anos de operações em Malta

siga o ONTIME no Instagram: @ontime.av

Foto: Emirates

Esta semana, a Emirates comemorou 25 anos de seus serviços para Malta, iniciados em 30 de março de 1998. Até agora, a companhia aérea transportou cerca de 1,1 milhão de passageiros em mais de 12.700 voos, sendo Dubai a rota mais distante para o leste. rota de Malta, bem como um dos poucos destinos para viagens fora da Europa. Emirates celebra 25 anos de operações em MaltaEsta semana, a Emirates comemorou 25 anos de seus serviços para Malta, iniciados em 30 de março de 1998. Até agora, a companhia aérea transportou cerca de 1,1 milhão de passageiros em mais de 12.700 voos, sendo Dubai a rota mais distante para o leste. rota de Malta, bem como um dos poucos destinos para viagens fora da Europa. 

Para comemorar o marco, Thierry Aucoc, vice-presidente sênior de operações comerciais da Emirates para a Europa e a Federação Russa, e o gerente nacional da companhia aérea, Paul Fleri Soler, receberam o ministro de transportes, infraestrutura e projetos de capital de Malta, Exmo. Aaron Farrugia, Ministro do Turismo e Proteção ao Consumidor Exmo. Clayton Bartolo, o CEO do Aeroporto Internacional de Malta, Alan Borg, e o Diretor Geral da Aviação Civil, Capitão Charles Pace, em uma conferência, onde destacaram algumas das conquistas e contribuições mais notáveis ​​da companhia aérea para o setor de viagens e turismo de Malta.

“Quando a Emirates lançou seu primeiro voo para Malta, tinha pouco mais de 40 destinos em sua malha. Hoje, estamos orgulhosamente conectando viajantes malteses a mais de 130 destinos em seis continentes, incluindo mais de 30 pontos na Ásia e 20 pontos nas Américas. Também atendemos viajantes com conectividade adicional além de nossa própria rede por meio de nossos acordos interline e codeshare com 27 companhias aéreas, incluindo a transportadora nacional Air Malta”, disse Thierry Aucoc durante seu discurso.

Malta é um dos destinos turísticos mais populares na rede global da Emirates e a companhia aérea continua a contribuir com seu setor de viagens e turismo, facilitando a conectividade aérea e direcionando o tráfego de entrada. A companhia aérea também contribui para a economia e comunidade local de Malta. A Emirates emprega mais de 60 cidadãos malteses em diversas funções em todo o Grupo, incluindo tripulação de voo e seu próprio escritório local. Os laços bilaterais entre os Emirados Árabes Unidos e Malta são sólidos e profundamente enraizados em seu desejo mútuo de aprimorar sua cooperação em todas as áreas de desenvolvimento.

“Evidentemente, nossa contribuição para a economia local não se limita à conectividade aérea de passageiros, mas também ao transporte aéreo de cargas. A Emirates SkyCargo fornece conexões comerciais vitais de e para Malta, enviando mercadorias essenciais, como alimentos e suprimentos médicos, além de facilitar o envio de importações e exportações. A Emirates SkyCargo contribui significativamente para o mercado como um dos dois principais fornecedores de carga aérea em Malta”, disse Aucoc.

Os viajantes malteses que voam com a Emirates se beneficiam de seus produtos premiados e serviços de classe mundial. Atualmente, a companhia aérea opera aeronaves Boeing 777 modernas e de fuselagem larga de e para o país, que também são as maiores aeronaves de passageiros regulares a servir Malta. Não só isso, mas a Emirates é a única transportadora aérea a oferecer o produto First Class no mercado. Mais de 27.000 associados Emirates Skywards estão oficialmente registrados em Malta, expandindo ainda mais as ofertas do premiado programa de fidelidade da companhia aérea.

*Com informações da Emirates

Guilherme Dotto

Guilherme Dotto

Amante da aviação desde pequeno, nascido em Ribeirão Preto, spotter e viajante desse mundão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *